Implantação digital gera 100 bilhões dólares

Sandvik has been working with mining customers on mine automation and remote monitoring of machines for more than 20 years.

A Sandvik e a IBM estão desenvolvendo novas ofertas de produtividade e manutenção preditiva orientadas por dados para a indústria de mineração e escavação de rochas.

O crescimento dos recursos de instrumentação e coleta de dados de equipamentos pesados está apresentando às indústrias de recursos naturais oportunidades para empregar análises e modelos avançados para identificar e resolver problemas de produtividade e otimizar o desempenho do processo.

A implantação de tecnologias digitais deve gerar até U$ 100 bilhões em valor para empresas produtoras de recursos até 2035, de acordo com o relatório da empresa de análises McKinsey.

Valor agregado para os clientes

A Área de Negócio da Sandvik Mining and Rock Technology associou-se à IBM para desenvolverem em conjunto novas ofertas em produtividade orientada por dados e serviços de manutenção preditiva para a mineração.

A primeira fase do trabalho foi feita em carregadeiras e caminhões, conectando até 15 unidades e integrando dados em tempo real de múltiplos sistemas de bordo e externos para executar os algoritmos analíticos.
É um passo natural trabalharmos em conjunto com uma empresa como a IBM.

É um passo natural trabalharmos em conjunto com uma empresa como a IBM.

"A Sandvik trabalha com seus clientes de mineração na automação de minas e monitoramento remoto de máquinas há mais de 20 anos", afirma Lars Engström, presidente da Sandvik Mining and Rock Technology. "Nossas soluções OptiMine® e AutoMine® também são importantes para coleta e consolidação de dados, e são uma excelente plataforma para alçar voos mais altos com as soluções de análise da IBM. Por isso, é um passo natural trabalharmos em conjunto com uma empresa como a IBM - especialistas em computação e modelagem cognitiva de análise avançada - para gerar ainda mais valor aos nossos clientes."

Lars Engström, presidente da Sandvik Mining and Rock Technology.

"Essa colaboração se encaixa bem em nosso portfólio de serviços, que é baseado no ciclo de vida útil tradicional e em serviços técnicos e de negócios aprimorados, todos alinhados para melhorar a segurança, proteger a capacidade das operações de mineração e aumentar a produtividade dos nossos clientes."

Uma oferta que aumenta a efetividade

A combinação de serviços de informação, coleta remota de dados e análise de dados permitirá maior efetividade, melhorando a produtividade, reduzindo custos e diminuindo o desperdício de tempo. Ela ajuda as empresas de mineração e escavação de rochas a tomarem decisões sobre planos de produção e cronogramas de manutenção baseadas em informações, além de oferecer a oportunidade de monitorar e melhorar os níveis gerais de utilização dos equipamentos.

Isso levará a maior rendimento e menor custo por tonelada de minério. A Sandvik já viu reduções de custo por tonelada de 20% a 50% com algumas das tecnologias digitais mais recentes, e pretende levar isso ainda mais longe com essa nova capacidade analítica.

"Estamos ansiosos para pegar nosso conhecimento em Internet das Coisas, análise avançada e gestão de ativos e combiná-los aos anos de experiência da Sandvik no desenvolvimento de processos de mineração e tecnologia de máquinas para criar colaboração em torno da inovação e da oferta de serviços digitais mais inteligentes para empresas de recursos naturais em todo o mundo", afirma Anders Fredholm, da IBM Europe.